_Networking

Marly Yamamoto, do Assaí: identificação regional apoia expansão da rede pelo país

Imagem: Divulgação

Após cisão com o GPA e aquisição de 71 unidades Extra Hiper, o Assaí Atacadista, rede nascida na zona leste de São Paulo, segue seu plano robusto de expansão pelo país. Este ano, chegou à marca histórica de 200 lojas em 24 Estados. Do ponto de vista do marketing, a estratégia se apoia na experiência do consumidor e na identificação regional com a marca.

“Para o sucesso de cada uma das unidades, sabemos que, além de oferecer preço baixo, precisamos entregar a melhor experiência de compra e fortalecer a identificação com a marca em cada localidade. Queremos que o Assaí seja identificado como um player de estratégia nacional, mas com um foco e uma atenção especial regional, estando ao lado de cada cliente”, afirma Marly Yamamoto Lopes, diretora de marketing e gestão de clientes do Assaí Atacadista.

Para isso, segundo ela, o primeiro passo ao chegar a uma nova praça é atribuir mais autonomia às equipes locais, incluindo os times de operações, gerentes de lojas e equipes de marketing. “Hoje, contamos com pessoas da área divididas em cada um dos nove escritórios regionais que possuímos em todo o país.”

A partir daí, é possível avançar no processo de identificação. “De nos conectarmos verdadeiramente com as populações de cada localidade. Trabalhamos com ofertas de produtos e sortimentos que valorizam os produtores locais, com foco no que os nossos clientes têm buscado, e apoiamos iniciativas com um olhar estritamente local. Assim, conseguimos ter um mix de produtos adaptado a cada Estado ou região onde possuímos lojas.”

As estratégias de marketing e comunicação entram como componente fundamental para essa conexão, segundo a executiva, mapeando costumes e comportamentos. “Valorizamos ainda as datas sazonais mais importantes para cada praça, com campanhas de marketing que são encabeçadas por e para pessoas de cada uma dessas praças.”

No Pará, a marca realizou ativações voltadas ao Círio de Nazaré. No Nordeste, trabalhou com as festividades de São João, além de patrocinar a Copa do Nordeste. Isso sem deixar de valorizar a própria história. “Em São Paulo, adquirimos o primeiro naming rights do Metrô, batizamos a Estação Carrão-Assaí Atacadista, simbolizando as nossas origens e raízes.”

Até um certo bairrismo vale. A marca foi uma das patrocinadoras do concurso Padocaria, realizado pelo vertical Nossa, do UOL, que reconheceu as melhores e mais queridas padarias de São Paulo, por região da cidade. O evento, que contou com votação do público, conectou consumidores finais a donos de negócios, os dois principais públicos-alvo do atacarejo.

O patrocínio a eventos de relevância têm sido uma estratégia muito eficaz para a marca. Isso porque permite estender a presença do Assaí para o público, e dialogar diretamente com pessoas que contam com as nossas lojas para manterem vivos os seus negócios.”

Para 2022, o Assaí visualiza um cenário econômico desafiador. E identifica que certos hábitos adquiridos na pandemia, como a compra por delivery, seguem impactando tanto a venda ao consumidor final – para o qual o Assaí passou a operar por aplicativo – como também aos micro e pequenos negócios, que se abastecem na rede para atender a essas demandas.

Com a retomada gradual da abertura econômica, estamos preparados para atender aos diferentes tipos de comerciantes e empreendedores que estão voltando a abastecer o seu negócio”, afirma a executiva. “Isso sem perder o foco naqueles que passaram a operar no segmento delivery na pandemia e pretendem continuar investindo nesse formato.”


Quem faz os conteúdos UOL para Marcas:

Apuração e redação: Renata Gama / Edição e redes sociais: Raphaella Francisco / Arte: Julianne Rodrigues
Gerente responsável: Marina Assis/ Gerente Geral: Karen Cunsolo