_Networking

Sabrina Compatangelo, da Samsung: geração Z tem poder de influenciar e impactar

Imagem: Divulgação

A Samsung vem há alguns meses numa bateria de campanhas. No momento, está no buzz com seus modelos dobráveis da linha Galaxy Z Flip, que podem ser vistos no mobiliário urbano das ruas de São Paulo e do Rio. Em agosto, apareceu com a virtual influencer Lu, do Magalu, na Times Square, em Nova York. Em julho, nas redes, a marca trouxe histórias de influenciadores brasileiros que mudaram seu dia a dia com ajuda da tecnologia. Em comum na estratégia está a inspiração na geração Z.

A geração Z tem se tornado cada vez mais importante na definição de novas tendências de consumo. Fato é que campanhas e serviços são cada vez mais voltados tendo este público em mente. Vemos que esta geração tem o poder não só de influenciar outras pessoas, independentemente da idade, mas também de causar grande impacto no mercado”, afirma Sabrina Compatangelo, gerente sênior de marketing de mobile experience da Samsung Brasil.

Segundo ela, que alinha de perto as conversas da marca com criadores de conteúdo, a Samsung se identifica com esse público que tem forte espírito de curiosidade. “Principalmente quando o assunto é tecnologia, games, arte e cultura. Isso os torna mais dispostos a experimentar o novo e a mudar”, afirma. “E por estarem sempre conectados, as experiências em âmbito digital não apenas os aproximam uns dos outros, como aumentam o engajamento com seus artistas, influenciadores e marcas favoritas.”

Foi essa pegada que apareceu no diálogo próximo que a marca buscou com a campanha “Você Nasceu Para Mudar”, voltada para as redes sociais. Os conteúdos foram produzidos em parceria com quatro influenciadores brasileiros, que usam os features da Samsung de modos diferentes nas suas rotinas.

A triatleta Patricia Fonseca, a primeira no país transplantada de coração, faz uso de um smartwatch da marca para acompanhar seu desempenho no esporte e no bem-estar. O empresário, gamer e streamer Flakes Power usa seu smartphone para performar bem nos jogos. E as amigas musicistas Amanda Cirilo, com deficiência monocular, e Cathy Moreira, surda, mostram como é possível não apenas ouvir como sentir a música por meio de um tablet e um smartphone da marca.

A campanha reforça como a tecnologia traz impactos positivos e inovadores na vida das pessoas. Escolhemos passar essa imagem por creators com histórias reais que, de fato, mudaram de vida com o auxílio de dispositivos Samsung Galaxy”, diz Sabrina.

O foco nos jovens, de acordo com a executiva, está em linha com a criação do Future Generation Lab, em janeiro deste ano. A área global estratégica da Samsung nasceu para aproximar a marca das novas gerações, com foco inicial na Geração Z. O objetivo é mapear tendências e extrair insights. No momento, são 73 pessoas trabalhando na equipe em todo o mundo, incluindo o Brasil.

“Eles estão na faixa dos 20 anos e foram selecionados para guiar a empresa no desenvolvimento de novas ações, produtos e serviços voltados para esse público. Mais do que isso, essas pessoas têm a missão de criar diálogos genuínos em torno de seus interesses em comum de uma forma totalmente inovadora, divertida e criativa.”

As primeiras ações concretas geradas pela equipe já estão na rua. “Como resultados dessa iniciativa, acabamos de lançar uma parceria com a Skillshare (plataforma de educação profissional), para pessoas da América Latina, com dois cursos para estimular a criatividade, utilizando o portfólio de produtos da Samsung nessas aulas.” Um dos cursos é sobre desenho de cenários, e o outro sobre fotografia urbana.


Quem faz os conteúdos UOL para Marcas:

Apuração e redação: Renata Gama / Edição e redes sociais: Raphaella Francisco / Arte: Julianne Rodrigues
Gerente responsável: Marina Assis/ Gerente Geral: Karen Cunsolo